Papo Reto Cariri - Opinião, Notícias e tudo que acontece sem arrodeios
O historiador Adeildo de Sousa faz um recorte sobre as apresentações gratuitas da Exposição do Crato em 1996
Penúltimos shows gratuitos aconteceram em 1996, já na edição de 1998 os shows começaram a ser pagos
date_range03/03/2019 às 20:43

Fotografias | Museu de Arte Kariri.

Por Adeildo de Sousa

A Exposição Centro Nordestina de Animais, Produtos e Derivados do Crato, simplesmente, a Expocrato, possui um valor imensurável e faz parte da vida de milhares de pessoas. O Papo Reto Cariri traz alguns detalhes sobre o período em que ocorriam as apresentações gratuitas no picadeiro do parque, que em 2018, foi reinaugurado e até hoje  a população não estar usufruindo do espaço. 

A Banda Circuito Musical, na 43ª Exposição do Crato, 1996. Este foi o último ano em que os shows aconteceram no antigo picadeiro. No ano seguinte (1997), os eventos musicais passaram a ocorrer na parte de baixo do parque. 

A área do antigo picadeiro onde ocorriam os shows ficava lotada durante as oito noites de exposição, recebendo inúmeras atrações que iam desde shows regionais, passando pelos saudosos trios elétricos e as inigualáveis bandas baile (Magazine, Azimuth, Baião de Dois e Circuito Musical), que eram presença garantida todos os anos.1996 foi o penúltimo ano de acesso gratuito aos shows, que começaram a ser pagos na edição de 1998. 

 

Público participando do Show da Banda Circuito Musical| Museu de Arte Kariri.
 
 
Multidão tomou o picadeiro para os Shows| Museu de Arte Kariri.

Karamelo Store
Sobre
Jornalista formado pela UFCA, radialista desde 2013 com passagens por emissoras de rádio de Caririaçu e Juazeiro do Norte. Na televisão, realizei produção jornalistica para Tv Verde Vale de Juazeiro do Norte. No site Miséria, atuei como redator e editor de Cultura. Repórter do Portal News Cariri. Também prestando serviço de Assessoria de imprensa para instituições privadas, artistas e parlamentares.