Papo Reto Cariri - Opinião, Notícias e tudo que acontece sem arrodeios
OAB/Crato e Comissão de Direitos Culturais luta pela concessão de Radio Comunitária para a SOLIBEL
Comissão de Direitos Culturais (CDCULT) reformulou as minutas do atual estatuto da SOLIBEL, a fim de adaptar o texto juridicamente para poder solicitar a outorga de uma rádio
date_range26/02/2019 às 18:44

Foto Reprodução | Redes Sociais.

A Comissão de Direitos Culturais da OAB/Crato esteve na semana passada trabalhando para possibilitar a instalação de uma rádio comunitária na Sociedade Lírica do Belmonte (SOLIBEL). Para alcançar este fim, os membros da Comissão de Direitos Culturais (CDCULT) reformaram as minutas do atual estatuto da SOLIBEL, a fim de adaptar o texto juridicamente e, assim, poder obter a outorga da referida rádio. 

Para quem não conhece, a SOLIBEL é uma escola de música e artes fundada pelo Padre Ágio Augusto Moreira, desde o ano de 1973, no Belmonte, à época, zona rural do município do Crato. A intenção do Padre era dar aos jovens pobres do campo conhecimento e oportunidade. A ideia saiu do plano teórico e passou a ser uma prática bem sucedida. 

A música erudita e as tradições populares do Cariri ganharam espaço fértil dentro desta arcádia, uma associação civil sem fins lucrativos, vale ressaltar, filantrópica. Há muito, os resultados obtidos por esse trabalho de inserção social podem ser vistos para além das fronteiras da região do Cariri e até mesmo em outros países. 

O Padre Ágio, carregando mais de cem anos nas costas, ainda transita pelas humildes estruturas da escola, com bom humor e em plena lucidez.

(Com informações de Fábio Lemos)


Karamelo Store
Sobre
Jornalista formado pela UFCA, radialista desde 2013 com passagens por emissoras de rádio de Caririaçu e Juazeiro do Norte. Na televisão, realizei produção jornalistica para Tv Verde Vale de Juazeiro do Norte. No site Miséria, atuei como redator e editor de Cultura. Repórter do Portal News Cariri. Também prestando serviço de Assessoria de imprensa para instituições privadas, artistas e parlamentares.