Papo Reto Cariri - Opinião, Notícias e tudo que acontece sem arrodeios
Documentário gravado no Cariri sobre o Menino que fez um museu é premiado em Londres
Produção independente de brasileiros e britânicos, gravada no Nordeste em 2016, mais precisamente no distrito Dom Quintino, zona rural do Crato, foi premiado na noite desta segunda,26, em Londres
date_range27/11/2018 às 22:18

Documentário foi premiado pela Foreign Press Association, nesta segunda-feira,26, em Londres| Foto: Divulgação.

Por Ronuery Rodrigues

O documentário “The Boy Who Made a Museum” | "O Menino que fez um Museu", direção de Sérgio Utsch, produção independente de brasileiros e britânicos, gravada no Nordeste em 2016, mais precisamente no distrito Dom Quintino, zona rural do Crato, foi premiado na noite desta segunda,26, em Londres, pela FPA (Foreign Press Association), a Associação de Correspondentes Estrangeiros mais antiga do mundo, fundada em 1888.

De acordo com o diretor, "O Menino que fez o Museu", foi único trabalho produzido por equipes fora do eixo Estados Unidos-Europa, entre os finalistas. O jornalista escreveu que está orgulhoso pelo reconhecimento –  “O FPA Awards é chamado por aqui de Oscar do Jornalismo, mas nenhum título é tão valioso quanto os sorrisos e as referências que ouvimos sobre esse Brasil sofrido, valente e orgulhoso apresentado pelo Pedro Lucas”.

DOCUMENTÁRIO

O documentário conta a história de um Brasil profundo, desconhecido até mesmo por muitos brasileiros. É apresentado com o carisma de Pedro Lucas Feitosa,11 anos. O garoto do Vale do Cariri se inspira nas músicas de Luiz Gonzaga para fundar um Museu em homenagem ao cantor, para mostrar um pouco das suas frustrações e orgulhos. A obra aborda o sofrimento, preconceito, migração, mas, sobretudo, fala sobre a beleza do povo brasileiro.

Jornalista Sergio Utsch diretor do documentário entrevista o garoto Pedro Lucas| Foto: Reprodução.

 ASSISTA O TRAILER

FESTIVAIS E EXIBIÇÕES

O documentário foi exibido na embaixada do Brasil em Londres e no Brasil no 21º Festival de Cinema de Tiradentes, em Minas Gerais. No próprio Museu de Luiz Gonzaga A produção também foi exibida Universidade de Birmingham e no Festival Padova, Itália.

O MUSEU DE LUIZ GONZAGA

Quando tinha 10 anos, Pedro Lucas criou o Museu de Luiz Gonzaga , que fica no distrito Dom Quintino, zona rural do Crato. A ideia surgiu após uma visita que o garoto fez, em 2013, quando tinha 8 anos ao Museu do Gonzagão, em Exu Pernambuco. Pedro decidiu criar o próprio lugar de Exposição para homenagear o rei e o local escolhido foi a casa da sua bisavó já falecida, que fica ao lado da casa dele, na rua Alto da Antena.

O espaço reúne centenas de objetos que remetem o universo do sertanejo retratado por Luiz Gonzaga através de suas músicas e as peças foram doadas por conhecidos de Pedro Lucas. Em 2018, o local de Exposição passou por reforma e ampliação como era desejo do menino.  O garoto hoje participa de eventos e fala da cultura gonzaguiana todos os dias ele mantém as redes sociais sempre atualizadas.

 


Karamelo Store
Sobre
Jornalista formado pela UFCA, radialista desde 2013 com passagens por emissoras de rádio de Caririaçu e Juazeiro do Norte. Na televisão, realizei produção jornalistica para Tv Verde Vale de Juazeiro do Norte. No site Miséria, atuei como redator e editor de Cultura. Repórter do Portal News Cariri. Também prestando serviço de Assessoria de imprensa para instituições privadas, artistas e parlamentares.